linkedin google plus facebook twitter
Home / Desemprego / Emprego tem aumento recorde em Portugal

Emprego tem aumento recorde em Portugal

No primeiro trimestre do ano, o emprego registou a maior subida de que há registo, mesmo com o aumento do salário mínimo. Assim, o desemprego caiu para 10,1% e o salário médio ficou nos 846 euros.

Entre o primeiro trimestre de 2016 e o mesmo período deste ano a economia portugueses criou 144,8 mil empregos, o que se traduz num aumento de 3,2% – maior subida de que há registo no Instituto Nacional de Estatística (INE).

No fim do ano passado a taxa de desemprego estava nos 10,5% e caiu para 10,1% no início de 2017. O salário médio líquido dos trabalhadores por conta de outrem ficou estável nos 846 euros por mês, embora o salário mínimo nacional tenha subido 5%.

Assim, neste momento existem 523,9 mil pessoas sem trabalho em Portugal. Face ao mesmo trimestre do ano passado, o valor desceu 18,2% (menos 116,3 mil pessoas). O governo, no seu Programa de Estabilidade, projeta um nível de desemprego médio de 9,9% para este ano.

Relativamente à taxa de desemprego jovem (15 a 24 anos), esta desceu para 25,1%, o que se traduz numa descida considerável face ao primeiro trimestre de 2016 (31%). A taxa desemprego das pessoas com uma licenciatura teve uma descida significativa, de 9,6% nos primeiros três meses do ano passado para 6,8% neste momento.

Fonte: Diário de Notícias

 

About Alerta Emprego

O Alerta Emprego é um portal de emprego que ajuda empresas e recrutadores a encontrar os melhores candidatos e a gerir processos de recrutamento. Além de promover anúncios de emprego, o Alerta Emprego funciona como uma base de dados de CVs pesquisável, tornando mais fácil a procura de candidatos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*