linkedin google plus facebook twitter
Home / Competências / Entrevistas: 7 questões (difíceis) para responder correctamente

Entrevistas: 7 questões (difíceis) para responder correctamente

Entrevistas

As entrevistas de emprego não são fáceis. O empregador é como se fosse um cliente e terá que o convencer de que é o melhor fornecedor de serviços para a sua vaga. Escolher o candidato certo é algo que preocupa os candidatos e o resultado é um conjunto de intensas perguntas nas entrevistas para testá-lo ao máximo antes de fazerem uma escolha.

Frequentemente utilizam questões comportamentais para fazerem com que revele o seu “eu profissional”. As suas respostas irão demonstrar a sua personalidade, aptidão e nível de experiência. Veja de seguida, sete perguntas difíceis que deve estar sempre preparado para responder, referidas pelo INC.

1. “O que há de errado com o seu antigo/actual empregador?”

Esta pergunta pretender esclarecer por que motivo deixou o seu trabalho anterior, uma vez que colaboradores satisfeitos não vão procurar novas oportunidades. O recrutador quer perceber que tem expectativas irrealista ou se é alguém instável.

2. “Fale-me sobre o pior chefe que já teve”

Novamente, tentar perceber as suas expectativas e com que tipo de pessoas e de gestão não se relaciona bem. Para além disso, deve evitar sempre falar mal de antigos empregadores e das suas anteriores funções.

3. “Qual o pior trabalho que já teve?”

O recrutador tem que saber que tipo de trabalho o deixa insatisfeito e desmotivado. Para além disso, pretende saber se fez algum esforço para resolver os problemas. Quando insatisfeito, é proactivo e tenta resolver a situação ou cruza os braços a refilar?

4. “Por que razões é melhor que os outros candidatos?”

Aqui está um teste para ver se consegue equilibrar confiança e humildade. Para além disso serve para ver que argumentos utiliza para se distinguir dos restantes candidatos sem os “deitar abaixo”.

5. “Por que foi despedido?”

Se foi dispensado que algum trabalho, é necessário que seja capaz de partilhar de forma objectiva o que aconteceu e ter consciência das suas acções. Se começar apenas a queixar-se e a desculpabilizar-se, o recrutador irá coloca-lo de parte.

6. “Quais são as suas fraquezas?”

Ninguém é perfeito. Se não for capaz de discutir os pontos em que precisa de melhorar, então não é consciente o suficiente para crescer e evoluir na função. Na realidade, se não for capaz de explicar de que forma está a trabalhar para melhorar as fraquezas, então demonstra falta de interesse em melhor enquanto profissional.

7. “Fale de um momento em que tenha trabalhado com um colega complicado”

O recrutador precisa de saber com que tipo de colegas tem dificuldade em trabalhar, para poder perceber se se enquadra na política da empresa. É importante também perceber de que forma tenta resolver possível conflitos.

 

Dica: Os recrutadores ouvem aquilo que vêem

Uma das principais razões para os recrutadores fazerem este tipo de perguntas nas entrevistas é para avaliar, não as suas respostas, mas a sua comunicação não verbal: linguagem corporal, expressões faciais, gestos das mãos, contacto visual, etc.

 

About Alerta Emprego

O Alerta Emprego é um portal de emprego que ajuda empresas e recrutadores a encontrar os melhores candidatos e a gerir processos de recrutamento. Além de promover anúncios de emprego, o Alerta Emprego funciona como uma base de dados de CVs pesquisável, tornando mais fácil a procura de candidatos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*