Grande parte dos profissionais ativos atualmente são “millennials”. Trata-se de uma geração por vezes um pouco difícil de gerir, principalmente no que diz respeito à retenção no local de trabalho.

A Department26, uma consultora norte-americana, divulgou as conclusões de um estudo em que identifica os principais pontos que os millennials procuram na carreira.

1. Riqueza é ter experiência

O grande foco da geração millennial é a experiência e não o dinheiro. Para estes, o que importa é receber o suficiente para pagar as despesas e poder viajar. Preferem um emprego que os realize do que propriamente ter um salário milionário.

2. Transparência e feedback

A grande característica desta geração é a transparência. É uma geração que não teme as críticas e gosta de obter sempre feedback sobre o seu desempenho.

3. Empreendedorismo

De forma a sentirem-se desafiados e estimulados, os millennials gostam que os tratem como empreendedores. Por isso, procuram empresas com uma cultura em que os valorizam e em que colaborem nas decisões estratégicas da mesma.

4. Liberdade

A liberdade é outro dos aspetos bem apreciados por esta geração. Liberdade essa que lhes permite gerir o dia a dia e os horários de trabalho e também liberdade para falar com os superiores e ainda sugerir mudanças na empresa.

De acordo com o estudo, para a maioria dos inquiridos, este tipo de liberdade é mais valorizada do que o salário ou outros benefícios que podem ter.

5. Admiração pelo líder

Para esta geração, a forma como um líder de projeto tem a visão de algo, como comunica e como envolve as equipas são fatores determinantes. Não é propriamente uma geração que se sinta confortável a trabalhar em “barcos à deriva”.

Um projeto que seja relevante, um líder que saiba comunicar e envolver as equipas são pontos essenciais para os millennials.

 

Fonte: Expresso