linkedin google plus facebook twitter
Home / Candidaturas / Guia das redes sociais para jovens profissionais

Guia das redes sociais para jovens profissionais

O Facebook, Twitter e Linkedin são recursos valiosos, não só pelo contacto com pessoas que conhece, como também pela expansão permitida a outras. Quem conhece está ativamente no mercado de trabalho, por isso usa as redes sociais e as conexões para encontrar e garantir emprego.

No entanto, as redes sociais também podem ser perigosas para os jovens profissionais. Como tal, apresentamos-lhe algumas diretrizes que os profissionais, sobretudo os mais jovens, devem seguir.

A sua presença online é “amigável”?

Em muitos casos existem perfis nas redes sociais, blogs ou sites que contém informações que por vezes não são as mais indicadas para um determinado trabalho.

Antes de uma entrevista verifique a sua presença online e analise-a. Veja se os comentários e as imagens que publicou são aceitáveis, de forma a quem o vai recrutar não se depare com algo desagradável. Para o caso de não serem aceites, então o melhor que tem a fazer é remover esses conteúdos.

Tem Conteúdo Negativo?

Pode pesquisar o seu nome no Google para garantir que toda a informação que está online reflete a sua imagem para futuras empresas. Se tem um conteúdo do qual se orgulha muito e que não pretende remover, então desenvolva um plano para mitigar os problemas que esse conteúdo lhe possam trazer.

Se tiver um conteúdo inadequado tente removê-lo se está à procura de emprego. Se não conseguir fazê-lo, tente arranjar uma explicação para o caso de ser confrontado.

Algumas empresas fazem esse tipo de pesquisa como se tratasse parte do processo de contratação, por isso não se admire se o tema for abordado. Nada melhor que ser proactivo e estar devidamente preparado para a situação.

Conhece a política das redes sociais da empresa?

Uma vez contratado pela empresa, existem algumas regras sobre as redes sociais para conhecer. Pois considere o facto de a empresa ter uma política de utilização das redes sociais no local de trabalho. Algumas empresas são muito rigorosas e restringem ou simplesmente bloqueiam o seu acesso, como Facebook e Twitter.

Para outras empresas o acesso às redes sociais não são um problema, são mais tranquilas em relação esse tema. No entanto, deve conhecer a política da empresa e cumpri-la.

Verifica as configurações de privacidade?

Tente remover todo o conteúdo inapropriado que possa encontrar, afinal passou a ser uma reflexão sobre a empresa para a qual trabalha.

Verifique também as configurações de privacidade da sua conta de Facebook. Defina quem pode ver as suas fotografias, cronologia e as suas publicações. E descarte-se de qualquer fotografia comprometedora ou que de alguma forma influencie a sua imagem profissional.

 

Fonte: Work it Daily

About Alerta Emprego

O Alerta Emprego é um portal de emprego que ajuda empresas e recrutadores a encontrar os melhores candidatos e a gerir processos de recrutamento. Além de promover anúncios de emprego, o Alerta Emprego funciona como uma base de dados de CVs pesquisável, tornando mais fácil a procura de candidatos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*