As 10 profissões mais bem pagas em Portugal em 2023 estão lançadas. Os ordenados podem chegar aos 120 mil euros por ano!

A Engenharia e a Indústria têm, nos últimos anos, vindo a crescer devido à evolução industrial e, com isso, a necessidade de profissionais aumenta.

Assim, também os salários acompanham este crescimento da procura por profissionais altamente qualificados.

Então, um diretor-geral na área da Engenharia e Indústria pode facilmente alcançar os 120 mil euros brutos por ano, o que corresponde a um salário mensal de mais de 8570€.

Esta será a profissão mais bem paga em Portugal em 2023, seguindo-se o engenheiro naval e marítimo e o diretor de compras.

10 profissões mais bem pagas em Portugal em 2023

1. Diretor-geral na área da Engenharia e Indústria

A procura de profissionais para a função de Diretor-geral na área da Engenharia e Indústria, tem sido crescente e prevê-se que se mantenha.

O facto “de sermos um país com elevadas competências técnicas” nesta área, também atrai empresas internacionais a estabelecerem as suas operações cá.

Então, um Diretor-geral na área da Engenharia e Indústria, pode auferir anualmente de 110 a 120 mil euros.

A constante atualização e o elevado nível de experiência, é um fator justificativo para a inflação no vencimento anual nesta profissão.

2. Engenheiro naval e marítimo

Já um Engenheiro naval e marítimo pode atingir um salário bruto anual entre os 100 e os 120 mil euros, ou seja, entre 7143€ e 8570€ por mês.

Esta função abrange o projeto, a construção, a modificação, a reparação, a manutenção e desmantelamento de navios, embarcações e estruturas flutuantes.

Mas também a gestão técnica, comercial e da manutenção, ou ainda a gestão e planeamento de operações marítimas e da interface marítimo-portuária.

As condições naturais do país, bem como a conjuntura económica e política, favorecem esta atividade e o desenvolvimento crescente de atividades ligadas à “Economia Azul”.

3. Diretor de compras

O Diretor de compras ocupa o 3º lugar no pódio, cujo salário bruto anual varia entre os 100 e os 110 mil euros, um salário bruto mensal entre 7143€ e 7857€.

Este profissional orienta processos como a contratação de novos fornecedores e as estratégias de negociação.

É ainda responsável por planear, dirigir e controlar as compras da organização, no que respeita à sua maquinaria, equipamento e materiais.

4. Chief information officer/ Chief technology officer

Embora esteja no 4º lugar da lista, um Chief information officer/ Chief technology officer pode receber tanto como um Diretor-geral na área da Engenharia e Indústria.

Assim, o salário bruto anual destes trabalhadores varia entre os 95 mil e os 120 mil euros.

“A transformação digital tem-se tornado uma prioridade para a maioria das empresas”, por isso, reforça-se a importância destes cargos.

Então, os Chief information officer/ Chief technology officer são responsáveis pelas iniciativas e estratégia no domínio das tecnologias de informação.

Segundo Pedro Amorim – corporate clients director do ManpowerGroup e managing director da Experis Portugal – “a crescente procura por tipo de profissionais, associada à escassez de perfis com o seu nível de especialização, tem levado a um aumento dos salários”.

5. Diretores de centros de serviços partilhados e Diretores de Recursos Humanos

O 5º lugar é ocupado por dois cargos, os Diretores de centros de serviços partilhados e Diretores de Recursos Humanos. Ambos podem ganhar entre 90 mil a 110 mil euros anuais.

Diretores de centros de serviços partilhados

Então, quanto ao primeiros, os Diretores de centros de serviços partilhados, são responsáveis por assegurar a correta implementação e execução das funções de suporte e serviço.

“Este é um perfil exigente e específico cuja procura está a aumentar, em particular na região norte”, explica Pedro Amorim.

Diretores de Recursos Humanos

Os Diretores de Recursos Humanos, desempenham funções como a definição da estratégia de talento, a gestão da performance, a entrega de talento e o compliance.

Além disso, acumulam também as áreas de comunicação interna e cultura, bem como a assessoria e coaching ao senior leadership da empresa.

Características que devem fazer parte destes perfis são a resiliência e adaptabilidade, a capacidade de inovação e o trabalho em equipa e colaboração.

São estas skills que vêm impulsionar o seu nível de remuneração.

7. Diretor industrial

Responsável pela gestão de uma central de produção e pelo controlo de todas as suas operações, o Diretor industrial recebe um salário bruto anual entre os 80 mil e os 90 mil euros.

Face à evolução tecnológica, as empresas procuram que estes profissionais adquiram continuamente novos conhecimentos, para acompanhar a transição do setor.

Assim, o constante investimento em formação valoriza a capacidade de negociação do profissional ao definir o seu salário.

8. Diretor de Obra

O vencimento anual de um Diretor de Obra está entre os 70 mil e os 75 mil euros.

É o responsável por todo o projeto e assegura a sua execução, de acordo com as normais legais.

Então, para esta função, além da formação em Engenharia Civil, o profissional deve também ter experiência no terreno.

O seu patamar salarial tem vindo a ser potenciado devido ao crescimento da procura por estes profissionais nos últimos anos.

9. Head of cybersecurity

O crescente risco e probabilidade de ataques informáticos vem justificar o aumento da procura por profissionais que sejam capazes de prevenir e resolver estas ameaças, bem como de orientar toda a organização em matéria de cibersegurança.

Assim, o seu salário varia entre os 60 mil e os 80 mil euros brutos anuais.

10. E-commerce manager

O E-commerce Manager fecha o top das 10 profissões mais bem pagas em Portugal em 2023, com um salário que vai dos 60 mil aos 65 mil euros brutos por ano.

Com um forte crescimento do comércio eletrónico, este profissional tem beneficiado disso. À medida que as empresas transitam para este novo canal, os salários têm vindo a crescer.

As empresas precisam destes profissionais para se responsabilizarem pela gestão e desenvolvimento dos canais, definindo a estratégia de negócio por forma a potenciar as vendas e a rentabilidade.

Assim, “o E-commerce Manager deve ter fortes capacidades analíticas, uma profunda compreensão da gestão de produtos em comércio eletrónico, conhecimentos de analítica web e otimização de tráfego, gestão de projetos e roadmaps de evolução de produtos tecnológicos, segurança de dados e de transações, entre outros”, explica Pedro Amorim.

 

Estas são as 10 profissões mais bem pagas em Portugal em 2023, resultado de um estudo fornecido pelo ManpowerGroup à Pessoas.

O estudo conclui ainda que embora a escassez faça aumentar os salários, não irá acompanhar a inflação.

Este desencontro é consequência, entre outros fatores, do aumento das despesas das empresas, como a energia, o custo das matérias-primas e despesas com distribuição.

Se está à procura da sua oportunidade, veja aqui as ofertas de emprego em aberto e candidate-se.