Quando não tem experiência, sabe como responder à questão qual a sua expetativa salarial?

Pode não ser fácil responder a esta questão, por um lado não quer “voar” muito alto e ser excluído da vaga, por outro não quer ter um salário menor do que o que merece.

Por isso é importante ter uma expetativa salarial de acordo com o mercado.

6 dicas para saber responder a “qual a sua expetativa salarial?”

Há 6 dicas que pode seguir para estar preparado para responder a esta questão.

1. Faça uma pesquisa

Quando entra no mundo do trabalho, pode sentir-se pressionado a aceitar a primeira oferta que lhe fazem.

Obter experiência é importante, mas o salário também é importante em cada etapa da sua carreira. Então tire um tempo para fazer pesquisas salariais com antecedência.

2. Tenha um número base

Parte da sua pesquisa deve incluir uma análise detalhada das suas despesas e metas previstas. Perceba quanto precisa não apenas para sobreviver, mas para viver confortavelmente.

O ideal é ter uma faixa de 10% a 15% superior ao salário que pretende. O salário base é sempre o número mais importante a considerar, porque é a partir daí que a empresa calcula quaisquer bónus e aumentos salariais futuros.

3. Considere benefícios adicionais que pode negociar

Às vezes, certos fatores significam que não conseguirá um salário mais alto, mas o trabalho pode proporcionar um grande crescimento para quem está a começar. Esse é o momento de procurar benefícios adicionais que possam fazer o cargo valer a pena.

Então, alguns dos benefícios que pode negocias são, por exemplo, bónus de produtividades, licença remunerada, local e horas de trabalho, seguro de saúde ou descontos em bem-estar, entre outros.

4. Destaque o seu valor para a empresa

O facto de não ter experiência no setor não significa que não trará valor a uma empresa.

Então, na entrevista destaque as suas habilidades mais fortes e compare-as com a descrição do cargo.

5. Pratique muito

A prática leva à perfeição, e isso é verdade! Pratique as respostas em voz alta com alguém várias vezes antes de conversar com o recrutador.

Esta é uma oportunidade para o seu potencial empregador observar suas habilidades de comunicação e interpessoais.

Se souber a faixa salarial praticada pode responder ao entrevistador de forma correta e mostra que fez o seu trabalho de casa.

6. Não tenha pressa

Ser recém-formado ou estar a mudar e emprego não significa que tenha de aceitar a primeira oferta, especialmente se tiver fortes argumentos para contra-atacar com uma quantia maior.

E, sempre que conseguir, negocie. Ao negociar está a preparar também o seu futuro, quanto melhor negociar mais alto vai subindo em termos salariais.

 

As empresas fazem esta questão para saber antecipadamente se a expectativa salarial do candidato é razoável para a sua posição.

Há sempre uma faixa salarial para uma função, então o recrutador procura saber se o candidatos está posicionado dentro dessa faixa.

Fonte: Muse