não deve candidatar-se ao emprego

Não deve candidatar-se a todas as ofertas de emprego. Nem todas se adequam ao seu perfil e, infelizmente, algumas são fraudulentas.

Quando não se deve candidatar a um emprego

  • Não tem a experiência ou competências necessárias  – Ao candidatar-se a um emprego quando não tem o perfil profissional solicitado, o mais provável é que veja o seu currículo ser rejeitado.
  • O emprego é igual ao seu emprego anterior (onde era infeliz) – Se não se sentia bem no emprego anterior, também não se vai sentir bem neste. Valerá a pena candidatar-se sabendo que vai sair da empresa assim que possível? O melhor é investir o seu tempo a responder a anúncios de empresas que lhe podem proporcionar o seu emprego ideal.
  • Um dos requisitos é trabalhar no estrangeiro (e não quer sair de Portugal) – Se, à partida, já pôs de parte a hipótese de emigrar, não vale a pena responder a este tipo de anúncios. Imagine que é seleccionado para o lugar… estaria a fazer a empresa perder tempo, porque a sua resposta à oferta de emprego seria não.
  • Desconfia do próprio anúncio de emprego – No Alerta Emprego validamos todas as empresas anunciantes, o que evita a existência de burlas. No entanto, anúncios de emprego fraudulentos aparecem regularmente na internet e jornais pelo que deve ter cuidado ao responder.
  • A sua candidatura só será aceite após um pagamento – Este é um dos maiores sinais de alarme. As empresas conceituadas e sérias não obrigam os candidatos a investir antes de os seleccionar para o emprego. Se suspeitar de fraude, pode procurar na internet por queixas de outros candidatos.
  • A empresa pede-lhe dados pessoais – É muito raro as empresas pedirem o seu número de contribuinte, cartão do cidadão ou NIB (número de identificação bancária) antes de oficializar um contrato de trabalho. Por este motivo, sempre que se deparar com um anúncio onde lhe sejam pedidos estes dados, procure informações sobre a empresa e valide a sua credibilidade. Inclusivamente, pode contactar telefonicamente a empresa e questionar o motivo pelo qual é necessário fornecer estes dados.

Ignore os anúncios de emprego que se encaixem nas descrições acima. Mantenha uma atitude positiva e procure empresas que se encaixem nos seus objectivos profissionais.

 

Fonte: Live Career