A gestão do tempo é uma competência, mas como qualquer competência, é preciso prática para a dominar. E para muitos de nós, nunca será totalmente dominada, particularmente se trabalhar a partir de casa for sinónimo de “caos familiar”.

A situação que Portugal (e o mundo) está a viver veio obrigar à adaptação de uma nova realidade profissional, o teletrabalho e com ele os desafios para manter a produtividade elevada, ter tempo para a família e tempo para si.

Mas nada é impossível, por isso partilhamos neste artigo algumas dicas que o vão ajudar a gerir mais eficaz e eficientemente o seu tempo.

1. Crie um calendário

A gestão do seu tempo começa com a calendarização das suas atividades. Se possível, defina as suas horas laborais com antecedência para que todos os elementos da família tenham conhecimento.

Isto permite uma entreajuda entre todos, permitindo um maior respeito pelo seu horário laboral e aproveitar ao máximo estas horas para não ficar a trabalhar depois desse horário e ficar sem tempo para si e para a família.

2. Não abuse das múltiplas tarefas

Alguns defendem que realizar múltiplas tarefas (multitasking) em simultâneo não é bom ou que não existe. Quem sabe? Mas a verdade é que a gestão do seu tempo quando trabalha em casa envolve realizar múltiplas tarefas ao mesmo tempo. Contudo, é essencial compreender que esta técnica é uma faca de duas pontas: tanto pode otimizar o seu dia como pode deixá-lo com projetos meio-acabados.

Saber como e quando utilizar esta técnica é a chave para alcançar uma melhor harmonia na sua vida pessoal e profissional.

3. Aceite as rotinas, mas mantenha a criatividade

Se está a tentar balançar a sua vida profissional e pessoal numa casa cheia de crianças, a rotina será a sua melhor amiga. A criação de uma rotina irá ajudar a estabelecer um horário para diversas atividades, tanto para si como para a sua família.

A nível profissional uma rotina vai ajudá-lo a estabelecer um horário para tarefas diárias e atividades semanais – como ver os seus emails, fazer chamadas, etc.

No entanto, evite ficar agarrado às rotinas, seja flexível, porque tal como as pessoas, as rotinas podem mudar e adaptar-se às circunstâncias – não fique preso ao pensamento que uma rotina é para sempre.

4. Conheça-se a si próprio e à sua família

Não há nenhuma dica de gestão do tempo que resulte para todos porque temos diferentes estilos e fraquezas no que diz respeito à organização do próprio tempo.

Algumas pessoas têm de aprender a parar de procrastinar, outras têm de parar de viver em demasia o seu ambiente de trabalho enquanto que para outras tudo se resolve com uma lista de tarefas.

Por isso, avaliar o seu comportamento neste novo ambiente torna-se essencial para estipular como alcançar o melhor desempenho profissional possível e ao mesmo tempo conseguir tempo para respirar e para a sua família.

5. Utilize as suas ferramentas de forma eficiente

Atualmente, há diversas ferramentas que permitem o trabalhador estar conectado com a empresa e a sua equipa. Ferramentas como a internet, computadores, email e telemóveis são o que tornam o teletrabalho possível para muitas pessoas.

Mas a verdade é que estas ferramentas também podem atrapalhar o seus esforços para um melhor aproveitamento do seu tempo se não forem usadas de forma eficiente. Um bom exemplo é a gestão do email, que se pode tornar um trabalho a tempo inteiro se não organizar o seu tempo adequadamente.

 

Fonte: The Balance Careers

 

Atualmente, o Alerta Emprego permite-lhe pesquisar oportunidades profissionais com a possibilidade de trabalhar a partir de casa. Conheça todas as ofertas disponíveis.