Uma boa estratégia na procura de emprego é a participação em feiras de emprego. E se para o fazer nem tiver de sair de casa? O Job Summit é a maior feira virtual de emprego – 100% online.

É já dia 13 de Outubro que dezenas de empresas estarão disponíveis para falar consigo e que se pode candidatar às ofertas disponíveis.

Então, tal como em todas as suas estratégias de procura de emprego, o planeamento é um fator importante. Assim, saiba o que fazer antes, durante e depois do Job Summit.

O que pode fazer no Job Summit?

Durante o evento, tem a possibilidade de:

  • Conhecer melhor as empresas participantes, através da informação nos seus stands, vídeos e documentos;
  • Interagir em tempo real com dezenas de recrutadores, através das salas de chat públicas e privadas;
  • Candidatar-se às oferta de emprego disponíveis, ou até deixar a sua candidatura espontânea a cada empresa;
  • Ter acesso e fazer download de diversos documentos, disponibilizados pelas empresas.

Como se preparar?

  • Conheça com antecedência as empresas participantespode fazê-lo aqui – e pesquise o máximo de informação sobre cada uma. Assim, tenha atenção à cultura da empresa, objetivos, áreas de recrutamento, últimos eventos, etc.
  • Prepare perguntas para os recrutadores, cujas respostas não são de fácil acesso, por exemplo, fez uma candidatura e quer que estado está. Então evite fazer questões básicas às quais consegue uma resposta através de pesquisa, por exemplo “o que a empresa faz?”.
  • Tenha o currículo atualizado e tenha-o por perto, caso seja necessário algum esclarecimento.

Mais importante de tudo, esteja entusiasmado!

O que fazer durante o Job Summit?

  • Esteja num local sossegado e sem distrações;
  • Desligue tudo o que o possa perturbar: televisão, telemóvel, etc;
  • Durante as conversas com os recrutadores não utilize abreviaturas ou calão;
  • Vá tirando notas para manter o registo das pessoas com quem falou;
  • Aborde os recrutadores de forma a destacar-se. Evite frases como “procuro emprego”, “estou interessado” e “olá”;
  • Faça perguntas interessantes sobre as vagas ou os perfis procurados. Evite coisas genéricas tais como “o que fazem?”, “quais as ofertas?”. Tem acesso a essas informações nos stands das empresas;
  • NÃO faça copiar e colar da mesma frase em todas as salas de chat;
  • Seja paciente – os recrutadores poderão estar a falar com mais do que um candidato em simultâneo e poderão demorar a responder;
  • Agradeça o tempo disponibilizado e descubra quais os próximos passos no processo de recrutamento.

O que fazer depois do Job Summit?

  • Envie e-mails de agradecimento aos recrutadores com quem conversou;
  • Estabeleça novas conexões no LinkedIn;
  • Mantenha o contacto com as empresas

 

Então, o que espera para reservar o seu lugar no evento? Faça já o seu registo e comece a preparar-se para o Job Summit.

Veja ainda: