Conheça a mais recente oportunidade que está a correr o mundo! Uma família árabe está à procura de profissionais para gerirem o seu palácio no Médio Oriente. O ordenado anual varia entre os 120 000 e os 180 000 euros, consistindo em 15 000 euros mensais. Apesar de o montante ser aliciante, os requisitos são diversos. Uma vez que estas pessoas de negócios viajam em trabalho de forma regular, precisam de alguém de confiança para gerir o grande edifício.

Esta vaga está listada no portal de emprego Silver Sawn Recruitment, um portal especializado em oportunidades de trabalho ligadas às famílias mais ricas, como: assistentes pessoais, chefs particulares, administradores de quintas ou babysitters.

Para os candidatos interessados em enviar o seu currículo, é necessário ter consciência que a gestão de um palácio é muito exigente: é preciso ter um vasto conhecimento em finanças, garantir uma boa comunicação com os proprietários e trabalhadores em geral e ter total flexibilidade laboral. É valorizada a experiência prévia em gestão de casa de luxo ou de “hospitality”.

A família oferece entre 100 000 e 150 000 libras anualmente, completamente livre de impostos, rondando os 120 000 e os 180 000 euros. O candidato selecionado poderá ficar a viver nas dependências do palácio, com comida incluída.

Observação: o anúncio não revela a identidade do palácio, nem imagens dos mesmo, sendo que a imagem presente no artigo é meramente ilustrativa.