print crop recrutamento online
Artigo original na revista Human Dez 2014

Longe vão os dias em que folhear jornais era a melhor forma de procurar emprego. O recrutamento online é hoje uma realidade inevitável, e uma realidade em constante transformação.

O candidato actual já não vive sem ter acesso facilitado a um grande volume de oportunidades e está à espera de se conseguir candidatar de forma rápida e simples.E num dia-a-dia cada vez mais sobrecarregado de informação, é preciso conquistar tempo de antena.

Numa altura em que 73% dos Portugueses tem acesso diário à internet, a taxa de penetração de smartphones ronda os 46% e 98% dos cibernautas Portugueses utiliza o Facebook, estas são, a nosso ver, as 4 palavras que não deve ignorar em 2015.

Mobile

Não faltará muito até Portugal seguir os passos dos EUA, onde o “mobile recruitment” é já uma realidade e 70% dos candidatos utiliza os smartphones para procurar emprego.

Com a ascensão do mobile, rápido deixou de ser suficiente: os candidatos esperam candidatar-se de imediato. Quer seja a caminho de casa ou num café.

Não é suficiente ter sites optimizados para dispositivos móveis, devem também estar preparados para receber candidaturas através de 2 ou 3 cliques.

No Alerta Emprego, os candidatos podem guardar o seu CV na plataforma e candidatar-se facilmente em qualquer lugar.

Social

Em Portugal, cada utilizador passa em média 88 minutos nas redes socias.

O Facebook tornou-se a nova homepage dos internautas e a base da navegação online – tem já mais visitantes do que o próprio Google.

Esta realidade veio alterar a experiência digital, que passou de um modelo mais pró-activo (pesquisa de informação) para um modelo mais reactivo (recepção de conteúdo). Para conseguir chegar a candidatos, já não basta ser encontrado, é preciso aparecer.

Neste contexto, fizemos desde cedo uma aposta forte nas redes sociais. Estamos já entre as 100 maiores marcas Portuguesas no Facebook e contamos com mais de 350 mil seguidores.

Esta presença tem-nos permitido servir de “alavanca” a centenas de empresas que querem divulgar as suas oportunidades. Permite-nos também alcançar aqueles que não estão activamente à procura de emprego nem visitam outros portais – candidatos passivos, que ficam a par de ofertas através de comentários e partilhas de familiares ou amigos.

Conteúdo

Mas, na disputa por talento, não chega aparecer, é preciso ter algo para dizer. Neste contexto, as empresas que querem atrair os melhores profissionais devem apostar em conteúdo e esforçar-se por comunicar a sua cultura e as vantagens que oferecem aos  seus colaboradores.

Dada esta realidade, os nossos anúncios podem incluir imagens e vídeos, conteúdos que tendem a melhorar os resultados obtidos.

Começámos também a apostar em soluções de Employer Branding. Além de artigos ou entrevistas no nosso blog, estabelecemos uma parceria que permite a empresas produzir vídeos profissionais e cativantes que são depois divulgados a milhares de candidatos.

Data

O recrutamento online pode estar sempre em evolução, mas tem uma grande vantagem: tudo é mensurável e é possível avaliar o retorno de cada iniciativa. Assim, torna-se mais fácil fazer testes, aprender com os resultados e melhorar.

No Alerta Emprego disponibilizamos o número de visualizações e candidaturas de cada anúncio. Além disso, enviamos relatórios que permitem identificar facilmente o número de candidatos válidos.

Pense novamente no “velho” jornal – não sabe bem sair do escuro?