Cada vez mais é indispensável destacar-se dos demais candidatos. A criatividade pode ser utilizada não só no curriculum vitae como na própria carta de apresentação ao recrutador.

A Brazen compilou 5 exemplos de candidatos que se esforçaram por fazer das suas cartas de apresentação um passaporte para o emprego.

Cartas de apresentação criativas

 1. Utilizar formato tabela

O candidato ponderou qual seria a melhor forma de mostrar que seria a pessoal ideal para aquela função. E descobriu que, por vezes, simples é melhor.

Numa tabela, colocou à esquerda as competências e skills mencionados no anúncio de emprego. À direita fez corresponder as suas próprias competências, dando exemplos de projectos e momentos nos quais teve que fazer uso das mesmas.

tabela cartas de apresentação

Esta técnica permitiu poupar tempo aos recrutadores, ao mesmo tempo que fez com que o candidato se destacasse dos demais.

 

2. Escrever uma carta “Fique a conhecer-me”

Charlie Drozdyk escreveu uma carta onde, em vez de falar sobre a sua experiência profissional, dava a conhecer a sua personalidade. A criatividade foi inserida na forma como se apresentou: Charlie compilou citações peculiares dos seus amigos e família que o descreviam. Por exemplo, a namorada dizia “Ele é giro, mas não me imagino a namorar com ele”.

A técnica utilizada teve sucesso porque se estava a candidatar a uma vaga de copywriter, onde a criatividade e sentido de humor são valorizados.

 

3. “Perseguir” o seu target

Um publicitário decidiu utilizar a “vaidade” dos seus colegas de profissão para conseguir emprego. Aproveitou-se do facto de as chefias de grandes empresas pesquisarem o seu próprio nome no Google… e deixou-lhes uma mensagem através de anúncios AdWords.

Alec Brownstein gastou apenas 6 dólares para comprar os anúncios e conseguiu entrevistas com 4 das 5 empresas às quais se candidatou. Acabou por ter de escolher entre duas. A sua criatividade foi especialmente bem recebida porque é a competência mais valorizada em publicidade.

4. Utilizar produtos da empresa

Hanna Phan queria mesmo trabalhar na SlideRocket – uma empresa que quer revolucionar os slideshows e vem dar uma alternativa ao PowerPoint da Microsoft. Então, decidiu que a melhor forma para se candidatar era construir uma carta de apresentação utilizando o SlideRocket. Através das redes sociais conseguiu fazer chegar a mesma ao director da empresa, que lhe telefonou uma hora depois!

Veja aqui a apresentação de Hanna Phan à SlideRocket.

 5. Imitar produtos da empresa

Matthew Epstein é um dos candidatos mais famosos do mundo. Porquê? Porque decidiu candidatar-se à Google de forma criativa… imitando-os. O site que criou assemelha-se bastante à webpage do Google, e todo o design é igual ao utilizado no motor de busca.

O site Google Please Hire Me foi tão bem sucedido que Matthew foi contratado… para outra empresa.

Nem sempre as técnicas de criatividade resultam com a empresa a que inicialmente se candidata, mas podem ajudar a chamar à atenção de outras empresas.

 

Sobressaia das centenas de candidaturas através de cartas de apresentação criativas e garanta uma entrevista de emprego onde pode mostrar porque é o candidato ideal.