«Uma carta de apresentação pode fazer a diferença entre dois candidatos igualmente qualificados.»

– John O’Neill, Assistant Dean of Career Education Stanford University.

Semelhante ao currículo, a carta de apresentação pretende mostrar ao recrutador que é um candidato viável para exercer o cargo para o qual se candidatou. Mas ao contrário do currículo – que apenas refere os factos que fazem de si o candidato ideal – a carta de apresentação pretende clarificar as qualificações que possui e que vão ao encontro do que o recrutador procura num candidato.

Siga estes conselhos e torne a sua carta de apresentação numa arma infalível com estas setes dicas para se destacar da competição:

1. Verifique os contactos

Escreva corretamente os nomes e nunca envie a sua carta de apresentação ou documentos requisitados “A quem possa interessar”.

Perde toda a credibilidade ainda antes de abrirem o seu email ou candidatura.

2. Evite modelos pré-feitos e escrita robótica

Demonstre através da sua escrita uma comunicação natural e exponha a sua personalidade, não se esqueça que a carta está a servir como uma ponte de relação entre si e o recrutador, deixe o mesmo captar traços da sua personalidade.

3. Evite clichés

A maioria dos recrutadores já estão fartos de ler sempre as mesmas definições, “Bom trabalho de equipa” e frases do género.

Vá mais além disso, use a vantagem da carta de apresentação ser um documento escrito e demonstre como é adequado para a vaga através de experiências e de conquistas que o levaram longe.

4. Apresente posições de liderança e conquistas

Inclua estatísticas que mostram de facto o seu impacto nos projetos que integrou em anteriores cargos.

Aumento das vendas, organização de eventos de grande escala, comprovam as competências e experiências listadas no seu currículo.

5. Mantenha as coisas simples

Apresente-se, mas não exagere nas palavras. É excelente um recrutador conseguir perceber alguns traços da sua personalidade, mas foque-se em como as suas competências vão ao encontro do perfil que a empresa procura.

6. Pesquise a empresa para demonstrar familiaridade com os seus projetos

Através disto, já está a mostrar que dedicou algum do seu tempo a conhecer a empresa além das primeiras frases do seu website.

Utilizar alguns dos projetos que desenvolveram ou estão a desenvolver e relacioná-los com algumas das suas competências e experiência profissionais são uma boa forma de mostrar que realmente é adequado para exercer o cargo em questão.

7. Nunca inclua informações sobre a remuneração

Isto é uma carta de apresentação, não um documento oficial onde argumenta a sua experiência profissional em valores monetários. Para além disso, evite mencionar ou referenciar informação pessoal ou maus comentários sobre antigos superiores.

 

Fonte: The Balance Careers