Os recrutadores analisam muitos currículos por dia, acabando muitas vez por fazer uma triagem superficial. Mas há passos que pode seguir para tornar o seu currículo no melhor de todos e destacar-se.

Problemas de espaçamento, erros ortográficos ou de pontuação, são algumas das falhas encontradas no currículo de alguns candidatos.

Saiba as 6 dicas que o Work it Daily organizou e que nós lhe apresentamos:

1. Certifique-se que o seu currículo não tem erros

Isso pode parecer óbvio, mas em erros incluímos ortográficos, de pontuação e até de espaçamento. Há muitos currículos que falham num destes pontos.

Você já leu e releu o seu currículo diversas vezes, o cérebro já lhe diz o que deve dizer, mas pode não ser a realidade. Então, pela a várias pessoas que revejam o seu currículo para se certificar que está bem.

O seu currículo não pode seguir para um recrutador com erros, qualquer erro superficial pode prejudicar gravemente as suas hipóteses de ser chamado para o emprego.

2. Adapte o currículo com a oferta a que se candidata

Muita gente usa o mesmo currículo para se candidatar a todas as ofertas que pretende. Isso não está certo! Deve personalizar o seu currículo para cada emprego a que se candidata.

Compare as palavras-chave do seu currículo com as da oferta. Certifique-se também que as suas realizações e sucessos fazem de si o excelente candidato para o emprego ao qual está a enviar a sua candidatura.

3. Faça um currículo elegante

Um currículo cheio de informação, com letra pequena para que caiba tudo não é nada cativante, fica desordenado e difícil de ler. Estes currículo irão para a pilha do “não” certamente.

Lembre-se que o recrutador tem dezenas de currículos para ver, logo não vai querer perder tempo com um que lhe pareça à partida desinteressante.

Então, o seu currículo deve ter uma aparência limpa e contemporânea. Use muitos espaços em branco, use uma fonte de aparência limpa (ex. Calibri ou Arial).

4. Use palavras-chave de forma estratégica

Verifique cuidadosamente a descrição do cargo para cada posição a que se candidata e use palavras-chave presentes na oferta para preencher o seu currículo.

Os recrutadores procuram por alguém que seja uma boa opção para a sua vaga, então procure mostrar logo pelo seu currículo como se enquadra na perfeição.

5. Descreva realizações e não responsabilidades

Evite usar a palavras “responsável” no seu currículo se forma isolada, centre-se antes em realizações específicas e quantificáveis. Por exemplo:

  • Responsável pela produção fabril com comprovado históricos de superação de expectativas;
  • Fui responsável por cinco equipas diferentes durante mais de 10 anos, resultando em 50 milhões de euros em novas vendas, bem como redução de 30% no desperdício.

6. Use palavras “poderosas”

Mostre que é uma pessoa de ação. Use palavras poderosas como: aconselhador, conduzido, lançado, executado, gerado, planeado, produzido, etc.

Estas palavras mostram a sua capacidade de desempenho no trabalho e especificamente nas duas funções anteriores.

Entre os dois exemplo, considere o que acha melhor: Responsável pelo lançamento de um novo produto ou iniciou e liderou o lançamento de um novo produto que resultou em 20 milhões de euros de receita.

 

Não se esqueça que o seu currículo é a primeira impressão que o recrutador irá ter de si e será apenas um entre centenas que chegam às empresas.

Precisa de ajuda para criar o seu currículo? Veja os modelos que o CV Factory tem disponíveis e só terá de seguir as dicas que lhe acabámos de dar para criar um currículo atrativo.