6 questões a ponderar antes de aceitar uma oferta de emprego

Se está à procura de um novo emprego (quer seja porque está desempregado, ou porque está empregado actualmente mas quer seguir em frente na sua carreira) é bom que tire algum tempo para avaliar uma nova oferta de emprego. Uma decisão errada significa que, mais tarde ou mais cedo, vai voltar ao passo um da procura de emprego novamente.

Quando, finalmente, tiver uma proposta de trabalho, não tenha receio de dizer ao empregador que está animado com a oportunidade, mas que precisa de tempo para a analisar na íntegra. Pergunte ao empregador se pode dar uma resposta no dia seguinte ou dois dias depois, o que na maioria dos casos é um pedido razoável. Isto também vai mostrar ao recrutador que você é uma pessoa que pondera as situações, em vez de se deixar ir pelas emoções.

Depois de estar seguro de que tem tempo para refectir, veja em baixo algumas perguntas que Don Goodman diz que deve fazer a si próprio para o ajudar a decidir se esta nova oferta de trabalho é a ideal para si. Provavelmente, vai encontrar a maioria das respostas com base nas informações recolhidas durante a entrevista. Caso contrário, peça esclarecimentos.

 

  1. Reveja a descrição do trabalho e as responsabilidades que vai ter no seu dia-a-dia – É isto que quer fazer e é onde vai ser feliz?

Se há alguma coisa que teme vir a fazer no seu dia-a-dia, este pode não ser um trabalho para si. Pense se isso é algo que consegue aprender e se está disposto a fazer, ou se é algo que o vai incomodar todos os dias.

  1. Como se sente em relação ao seu futuro chefe e aos seus futuros colegas de trabalho?

Na altura da entrevista vai, muito provavelmente, ficar com uma ideia sobre as pessoas que trabalham na empresa.

Uma grande parte da felicidade que pode sentir num emprego tem a ver com as relações que tem no trabalho. Pense se este é um lugar onde vai gostar de trabalhar e onde se vai sentir confortável.

  1. Acredita que este trabalho abrange os seus interesses e desafios actuais e que o ajudará a crescer?

Depois de sentir a emoção de ter um novo emprego, um dia ela acabará por morrer. Será que passada essa fase vai continuar interessado no trabalho ou vai morrer de tédio e estagnar?

Se sente que este é um trabalho onde pode ter sucesso e crescer, quer dizer que não vai estar à procura de emprego novamente dentro de alguns meses.

  1. A logística das deslocações para o trabalho e os benefícios deste emprego combinam com o seu estilo de vida?

As suas deslocações diárias para o trabalho são um grande indicativo para saber se vai ser feliz neste emprego. Se vai demorar duas horas para chegar ao trabalho todos os dias, então vai despender um total de quatro horas do seu dia a ir e a voltar. São 4 horas apenas para viagens. É algo com que vai conseguir viver?

Mesmo tendo um horário de trabalho definido, teve a sensação de que vai trabalhar muito mais do que isso, durante a entrevista? Será que está disposto e preparado para trabalhar fora do seu horário normal?

Outros factores a pensar são o tempo de férias e, claro, o ordenado. Se já teve empregos onde lhe pagavam bem, com prémios anuais, promoções, etc., mas este novo recrutador não tem nada disto, será que o vencimento mensal compensa tudo isso?

Considere também se há outros benefícios que fazem com que valha a pena aceitar o emprego. Veja as regalias mais comuns nas empresas que deve considerar.

  1. Será que este emprego corresponde à carreira que quer seguir?

Este novo trabalho deverá permitir-lhe trabalhar para a sua meta profissional. Ele deve oferecer-lhe a oportunidade de utilizar as habilidades e experiências que tem, bem como construir novos caminhos para avançar na carreira que pretende seguir. Pense se o trabalho vai cumprir os seus objectivos de curto prazo, as metas de longo prazo, ou se não cumpre nada disso. Esta questão também o vai ajudar a entender se este é o trabalho ideal para si.

  1. Vai ter orgulho em dizer que trabalha nesta empresa?

Pense em como se sente ao ser associado com o empregador porque a sua felicidade no trabalho está ligada a esse sentimento. Se estiver orgulhoso do local onde trabalha, os seus esforços para ter sucesso e um bom desempenho também podem ser afectados e ter um maior impacto.

Para além disso, se optar por deixar este trabalho no futuro, lembre-se que vai ter que viver com esta informação no seu currículo.

 

Ter tempo para avaliar a situação do seu possível novo trabalho e a forma como ele pode vir a afectar os seus objetivos de carreira e a sua vida, é importante. Esse tempo vai ajudá-lo a tomar uma decisão mais informada e consciente.

Considere ainda estas 6 boas razões para não aceitar o emprego.